Customização/Personalização de Ecobag - Passo a Passo

17:31 Tays Rocha 26 Comments

Consegui enfim dar uma escapada da D. Mariana e vim correndo postar um pap prá vocês, a última semana não foi fácil, muita cólica, muito choro, crianças com consulta marcada no pediatra, além de todos os compromissos de sempre. Prá falar a verdade, ando cansadona, achei que seria mais fácil, mas o primeiro mês passou e sobrevivi... rsrsrsr. Fiz a ecobag no sábado, editei as fotos e escrevi uma parte no domingo e só hoje consegui postar, estou aprendendo a viver e fazer as coisas em etapas... ô aprendizado difícil prá mim!!!


Hoje vim mostrar à vocês uma outra possibilidade muito legal do uso dos produtos True Colors, a técnica é de customização/personalização de uma ecobag, além de ficar com uma sacola linda, 1001 utilidades, ainda damos uma mãozinha à natureza, reduzindo o uso das sacolas plásticas. Qualquer dúvida ou pergunta, entrem em contato ou deixem comentários que respondo com prazer ;o)


Um dos efeitos que mais gosto é o efeito máscara feito com Spray Colors, utilizei elementos em chipboard cru e nessa primeira aplicação Spray Colors Ouro Rico, como achei o tom da sacola muito claro, tonalizei a peça toda, não somente ao redor dos arabescos.


Em seguida, ao redor dos arabescos apliquei o Spray Colors Bronze.


Apliquei de forma uniforme sobre o arabesco, acompanhando o desenho e formando uma cantoneira, clicando na imagem ela aumenta e é possível ver o efeito perolado do spray, que é lindo!


Fiz o mesmo nos outros arabescos e em seguida apliquei o Spray Colors Níquel, mesclando com as outras duas cores, em alguns lugares tonalizei mais e em outros menos.


Nessa primeira etapa, obtive esse efeito, a ecobag tonalizada e os desenhos bem delineados e aparentes, prá conseguir esse efeito mais esfumaçado, de nuvem, é preciso aplicar o spray a uma certa distância (uns 20 a 30 cm) da peça.


Resolvi trabalhar com carimbos, que dão um efeito lindo. A dica aqui é usar ou um pedaço de EVA ou pratinho de isopor, espalhar bem a tinta, molhar o carimbo e conferir se todo o desenho está tingido e se não há borrões, e só então carimbar apertando bem todos os cantos. Nesse caso usei PVA Carmim Real, passei pouco porque queria um efeito bem suave, quase uma marca d'água.


Usando essa técnica de carimbos, carimbei os manuscritos e as borboletas; de um guardanapo retirei e rasguei a borda, fazendo esse barrado bordô, recortei as flores também, posicionei dessa forma. Obsevem o aspecto mais borrado do arabesco à esquerda, queria esse efeito mais manchado e envelhecido, consegui batendo suavemente uma esponjinha úmida, fazendo com que as bordas desaparecessem.


Pensando cá com meus botões, achei que ainda faltava algo do lado esquerdo, então apliquei mais um pouco de Spray Colors Níquel, mas agora, bem perto da ecobag, para conseguir aquele efeito respingado, resolvi também acrescentar mais uma flor, colei as flores e o barradinho com Gel Base Decoupage Tecido.


Eu amei esse stencil de tijolinhos da TeC e ainda não tinha usado, resolvi aplicar do lado esquerdo, usando Spray Colors Bronze. Como não queria colocá-lo "quadradão", escondi algumas partes com folha branca, deixando um desenho assimétrico.


Da mesma forma que fiz no arabesco, esfumacei as bordas (que tinham ficado em linha reta) com esponjinha úmida e o resultado foi um acabamento mais suave, mesclando uma cor na outra.


Aqui o efeito do stencil com spray e o detalhe do respingado.


Queria trabalhar um pouco mais o barrado bordô, resolvi aplicar renda de algodão sobre ele, tenho branca e crua, neste caso cairia melhor a crua, mas não achei a bendita na minha bagunça resolvi usar a branca e mostrar prá vocês essa outra possibilidade do Spray Colors. Posicionei a rendinha esticada sobre a folha e comecei o tingimento pulverizando Spray Colors Bronze, apenas em algumas partes. 


Em seguida, apliquei Spray Colors Níquel e Maçã Verde, deixando a rendinha bem manchada, dessa forma, à partir de uma renda branca, foi possível tonalizar da forma que eu queria e precisava.


Depois de seca, costurei a renda no barrado bordô, usando linha de bordado, usei um verde mais vivo prá contrastar.


Prá finalizar minha ecobag, costurei três botõezinhos à esquerda, para dar acabamento e fiz duas flores de fuxico para enfeitar as alças. E aí está o meu trabalho pronto, totalmente personalizado e único. Gostaram? Se quiserem ver mais possibilidades, visitem as meninas do Time Criativo (blogroll ao lado) e vejam cada bolsa mais linda que surgiu, nos mais variados estilos, técnicas e cores. Adorei trabalhar com os produtos no tecido, e prá quem tem dúvida... o Spray é muito durável e fácil de aplicar, podem comprar e usar sem medo.

* Quer aprender mais sobre efeito máscara?
Efeito Máscara com Flores de Furador
Efeito Máscara em Caixa com Scrap Decor
Efeito Máscara - Personalizando Background

* Quer ver outras alternativas em técnicas de carimbo?

E prá não perder o costume, uma foto da minha Mariana que quarta 20/10 completou um mês!


Beijos e boa semana ♥

26 amigos comentaram, comente também!:

Fotos do Workshop True Colors

08:39 Tays Rocha 20 Comments

Bom dia! Apesar de cinza e horroroso, eu espero que ainda assim seja o prenúncio de um bom dia... Vim mostrar as fotos do workshop de ontem na Creare, hoje tem mais uma aulinha! Prás meninas que me perguntaram e comentaram: é gratuito, não paga nada não, aproveitem a oportunidade; e prá quem pediu no sábado, estamos conversando e vendo a possibilidade de além da demonstração agregarmos também um curso de customização de ecobag, assim que decidirmos algo aviso vocês, OK? Fiquei super feliz em conhecer pessoalmente a Lu, prá quem não sabe, ela é minha chefinha como carinhosamente chamo, mas só nos conhecíamos por foto, conversas por email e uma única conversa pelo telefone, imaginem a confiança dela no meu trabalho e a minha responsabilidade perante a empresa, fico feliz com a credibilidade. Queria muito conhecê-la, mas como não pude ir à Mega e à Feira de Scrap acabou ficando prá agora.


Meninas trabalhando, algumas são também minhas alunas Toke e Crie, que adorei rever e conversar um pouquinho, Meg de vermelho, saudades das nossas aulinhas e conversas, pessoa mais que divertida ;o)


Foi bem legal ver a aplicação prática de diversos tipos de texturas, todas puderam trabalhar e manusear os produtos, vendo os efeitos de cada uma e entendendo as características de cada produto.


E olha quem estava por aqui... lá abraçada com a Ivana, a Rê, minha chefinha da Toke e Crie, porque aprender nunca é demais e a Rê já foi representante da True Colors


Juju fazendo aula também, aluninha da Creare sempre fazendo os cursos, já fez curso comigo e fizemos juntas o curso do Vlady de embalagens de Natal.



Usando as texturas com stencil, lindos efeitos e acabamentos. De branco e à esquerda, Sara, também minha companheira de cursos e amiga, do nosso grupo Scrap Curitiba.


Lu dando algumas explicações sobre os produtos e as técnicas.


Demonstração de uso dos Sprays, fácil, rápido, efeito lindo e rendimento excelente, as meninas saíram apaixonadas com o efeito e a facilidade de uso.


Vejam que linda essa ecobag, era de algodão cru... customizada pela Lu, utilizando decoupage de guardanapo da Toke e Crie, efeito máscara com spray, carimbos diversos com tinta. Gostaram? Aguardem... no final de semana um passo-a-passo da minha versão dela aqui no blog, bem explicadinho prá vocês!


E fiquei muuuuuuuuito feliz em conhecer a Lu pessoalmente, rever a Jaluza também é só alegria, conversamos um montão, estava com saudades.


Prá quem não nos conhece... da esquerda prá direita: Eu, Jaluza que também é do Time Criativo da True Colors, Lu da True Colors, Ivana que é a dona da Creare e criadora de alguns papéis da Toke e Crie e Regina que é nossa representante comercial da Toke e Crie aqui em Curitiba, minha chefinha também ;o)



E quem não podia faltar na bagunça? Ela... como diz a Andri... a minha moranguinho! Quando entramos na sala prá bagunçar ver a aula da Lu, foi um OWNNNNNN... geral... hehehehe. E pena que foto não dá prá sentir cheirinho, estava tão cheirosa e gostosa minha gorda ;oP


E parabéns prá ela que se comportou, dormindo quietinha na recepção com a Fer, só acordou prá mamar e depois... soninho de novo. E também porque hoje ela está de aniversário, completando 1 mês de vida. Amo você minha bolachuda ;oP


Eu adoro estar e ficar na minha casa, mas... o dia foi bom demais, rever pessoas que gosto, conhecer a Lu, que super fofa trouxe presentinhos pro Leo, prá Mariana e prá mim, sim prá mim! Na ecobag que vou fazer vieram os produtos da True Colors nas novas cores branco e prata, algumas outras cores há muito esperadas, pincéis maravilhosos da Condor, além de docinhos embalados com todo carinho. Obrigada Lu e True Colors por esse carinho e delicadeza conosco! Fizemos um lanchinho gostoso que na Creare nunca falta e conversamos, fofocamos e rimos muitooooooooooooo... heheheh.

E prá quem ficou com vontade... vai lá, corre ligar prá Fer (41-3339-0060) ver se ainda temos vagas! A Creare está com algumas novidades muito fofas prá cupcakes e a Ivana Madi Super Chic lançou DVD de carimbos, mostro tudinho num próximo post!

Beijos e um bom dia ♥

20 amigos comentaram, comente também!:

Comparações e semelhanças

11:26 Tays Rocha 10 Comments

Quando eu estava grávida do Leo a expectativa era imensa, quando ele nascesse como seria? Com quem se pareceria? E não adianta... sempre, nem que seja bem escondidinho, lá no fundo... a gente quer que tenha algo nosso, que se pareça um pouquinho conosco, né? Eu queria, nem precisava ser muito, mas que alguma coisa nele, pelo menos, lembrasse à mim, ainda que vagamente. Enquanto não fiz a ultrassonografia 3D não tive paz, ao ver meu magrelinho lá na tela... o pai... escrito, pintado, rabiscado, cuspido e escarrado... afe... sem comentários...

 Leo aos 7 meses de gestação

Quando ele nasceu eu vi exatamente a mesma carinha, a imagem do exame é realmente muito fiel, meu médico na época me disse que quando o tirou da minha barriga pensou: é o pai purinho... kkkkkkkkkk, nem precisa DNA... rimos muito no quarto quando ele nos contou. Ahhhh, mas o Leo parece comigo, tem o branco dos meus olhos... tá, ele tem meus olhos, jabuticabinhas como dizemos por aqui, dedos longos e finos e um pezinho magrelo de leque, iguais aos meus, mas é só! Por isso me intitulei barriga de aluguel...

 Leo no dia em que nasceu, com 4h de vida - 17/04/06

Dessa vez, nem alimentei esperanças com a Mariana, mas na ultrassonografia 4D ela se mostrou diferente do Leo, nariz de batatinha, bochechinhas gordas e uma boca maior também, lábios grossinhos em forma de coração, me animei, confesso... 

 Mariana aos 9 meses de gestação

Mas no dia do parto a sensação foi tão estranha, quando a trouxeram, eu vi o Leo, um pouquinho mais gordinha e bochechuda, mas era o Leo... só que ela tem muito mais de mim, me vejo nela, vejo minha avó estampada nos traços dela e eu só me pareço com minha avó, não tenho nada dos meus pais e sempre penso que sou filha de chocadeira

 Mariana no dia em que nasceu com 2h de vida - 20/09/10

Quando ela se vira de ladinho mamando meu braço, o braço dela e tudo que tiver na frente... é exatamente como o Leo fazia, quando abre só um olhinho, trejeitos idênticos, até a manchinha vermelha na pálpebra é igual, e os dois tem a boca de coraçãozinho bem definida e marcada, igualzinha à do papai.

 
 Leo com 9 dias, manchinha na pálpebra, boquinha de ♥

Mariana com 1 dia, mesmas característcas do Leo (acima)

Todo mundo tem achado ela muito parecida comigo, mas acho que ela só misturou um pouco mais, porque tem muito do irmão, mas não tanto do pai. E é tão gostoso poder comparar e ver que os dois são iguais, mas diferentes, gênios totalmente avessos. Ela só é bem mais gordinha e maior, vi aqui umas fotos do Leo e ele era um magrelinho (igual o pai dele), lógico que se a Mariana é mais parecida comigo, saiu mais gorda, né?

Meu Leozinho, que saudades... com 4 dias e já de chupeta, Mariana odeia.

Ao ver minhas fotos de bebê, realmente ela se parece mais comigo do que o Leo, muitas semelhanças mesmo, vou escanear e em breve coloco prá vocês verem. Eu era bochechuda assim como ela e de olhos grandes, curiosa... e dizem as más línguas pessoas da minha família, que esse gênio difícil, escandalosa e brava é meu, porque eu era igualzinho quando bebê... tá, acreditei... mas o que importa é que são e serão sempre meus bebês, vieram com saúde, me enchem de alegria, e esgotam minha paciência são lindos, meus amores, minha vida. E eu claro... uma mãe coruja, babando e lambendo muitoooooooo as crias... heheheh.


Beijos e boa semana ♥

10 amigos comentaram, comente também!:

Conceito Vintage por Patricia Dias

21:20 Tays Rocha 8 Comments

Há tempos eu queria fazer essa postagem e falar um pouco sobre o vintage, sobre o que é esse estilo, essa tendência que tem sido tão falada e estado tão em voga ultimamente. Nesses últimos meses de gestação me atrapalhei mais do que de costume e nada rendeu... mas estou com minhas ideias que não são poucas aqui rascunhadas. Quando resolvi então falar sobre o vintage, tanto à respeito do conceito como sua tendência dentro do scrapbooking, só pensava em citar o trabalho da minha amiga Patinha, que trabalha muito bem e realmente gosta desse estilo. Sabe quando você vê uma pessoa poucas vezes, mas basta prá que haja uma interação e admiração? Foi assim comigo... nos conhecemos através do nosso grupo de scrap Scrapbooking Curitiba, reforçamos os laços através da Taninha e dos encontros na Creare e uma amizade bacana com muitas afinidades surgiu. Então ao invés de citar, resolvi trazê-la aqui prá explicar prá nós. E hoje, apresento essa querida amiga à vocês, com um texto repleto de informações sobre o conceito vintage, que nos traz uma abordagem bem completa desse tema. Ela possui três blogs, dois de scrapbooking e um totalmente voltado à sua paixão pelo vintage, não deixem de visitar!


 Patricia Dias
 
Falando um pouco sobre o Vintage


Eu sempre adorei coisas antigas. Amo Feirinhas de antiguidades, sebos e afins... inclusive  tenho algumas “preciosidades” aqui em casa, heranças de família, verdadeiros tesouros. E essa paixão pelo antigo aparece no scrap também – amo o estilo vintage. Pesquisando um pouco sobre o assunto descobri que curiosamente,  a origem do termo Vintage está relacionada a vinhos.   


“Vint” relativo a uvas e  “age” relativo a idade. O termo foi inicialmente relacionado às safras de vinhos, designando as melhores safras de determinada vinícola. Com o tempo acabou sendo generalizado e de safras de vinhos passou a representar “o melhor de sua época”. O termo "vintage" se refere a coisas antigas, valiosas, e que como os vinhos adquirem maior valor com o passar do tempo. Muitas vezes são peças de colecionador. Grande parte do valor, vem do fato desses objetos não serem mais fabricados e também do bom estado de conservação. Na moda e na decoração o termo é usado para designar a recuperação dos anos 20, 30, 40, 50 e 60. Os anos 70 e 80 não seriam considerados vintage por serem muito recentes.  O resgate das famosas Pin-ups é um exemplo de vintage.  


No mundo das artes decorativas, vintage refere-se  em geral, a  objetos datados, não necessariamente raros ou extraordinariamente antigos, bem conhecidos como ligados a uma determinada época. O termo "antique" não é sinônimo de Vintage.  Significa algo antigo, antigüidade - coisa valiosa pela antiguidade, em geral rara ou exemplar único, mas nem isso é obrigatório. "Vintage" significa algo que é de alta qualidade, fino, com características conservadoras.  


Na moda o Vintage é uma tendência super atual, é o eterno retorno. Usa-se algo de outros tempos, como uma bolsinha herdada da avó com uma produção super atual.  como sendo atual. Porém Vintage e retrô são termos distintos – um objeto é considerado  retro quando  é inspirado numa peça antiga e produzido recentemente. Um objeto vintage é uma peça de época realmente e que não se fabrica mais. Se continua sendo fabricado não é Vintage.  

Assim como forte tendência na Moda, o charme Retrô é forte tendência no Scrap e está mais presente a cada lançamento. São muitas as marcas que tem investido em coleções românticas e inspiradas no lirismo de outros tempos. O charme vintage realmente, fica por conta das páginas de livros, os tecidos amarelados, as cartelas de bingo do tempo da vovó. Vale a pena dar uma garimpada nos armários de mães, tias e avós. Podemos encontrar peças originalmente vintage que darão um charme todo especial aos nossos projetos. 

 
Os projetos Vintage tem algumas características comuns como: o uso de folha de livro, partituras, postais, selos, papel crepom, fitas, tule,rendinhas, brilhos, muitos frufrus e cores suaves como rosa e azul. São trabalhos românticos e delicados. Também são alegres e vibrantes. Muita gente quando pensa em vintage pensa em coisas escuras, tristes, apagadas... E não é bem assim, não.  Podem ser muito charmosos e divertidos.








Esses são trabalhos da Patinha que podem ser vistos em detalhes no blog dela.


* Para saber mais sobre o assunto


Espero que vocês tenham gostado do post, dessa aulinha. Agradeço a boa vontade da Pati por ter me atendido prontamente e escrito esse texto pros meus leitores aqui do blog. A ilustração ficou por minha conta e espero que vocês também tenham gostado, exceto os trabalhos da Pati, as outras imagens foram encontradas no Google.

Beijos e boa semana prá vocês ♥


8 amigos comentaram, comente também!:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...